Busca

curso

Pavões, tucanos, araras e outros animais, além de flores e muitas plantas, nos mais diferentes e inusitados ângulos, foram registrados por 50 alunos do curso de fotografia promovido pelo Orquidário no fim de semana. Os profissionais José Alberto Sarquis e Berenice Kauffmann, responsáveis pela atividade, ficaram impressionados com os resultados. “Trabalhar com pessoas de conhecimentos, técnicas e atividades diferentes torna a experiência enriquecedora, porque proporciona uma troca muito interessante”, comentou Berenice.
 
A chefe de Unidade de Educação Ambiental, Cibele Coelho, disse que o curso foi idealizado pela Setur para atender à solicitação dos frequentadores. “O Orquidário é muito procurado para ensaios, tanto por fotógrafos profissionais, quanto amadores. Assim, reunimos os interessados e oferecemos a nossa infraestrutura”, afirmou, confidenciando que a grande procura superou a expectativa.
 
Claudionor Santos, aposentado e fotógrafo amador, aprovou o curso. “Sempre que posso, venho treinar aqui porque me deparo com imagens belíssimas. Quem sabe depois das aulas eu consiga registrá-las”, completou, brincando. A jornalista Thainara Ramos participou do curso para aprimorar a técnica. “É sempre bom esse tipo de atividade porque se aprende algo novo, mesmo só observando o trabalho do outros”.

Uma visão geral da classificação de moluscos por reino, filo, classe, ordem, gênero e espécie foi explicada para crianças de 9 a 12 anos de uma maneira criativa. Marcando o início dos cursos de férias do Aquário, ontem (11), elas criaram monstros misturando partes de animais existentes para aprenderem as características evolutivas de cada um.
O curso ‘Estudo das conchas’ segue até amanhã com muitas atividades. Hoje (12), as crianças visitam a praia do Góes, local onde se encontra uma variedade abundante de moluscos, principalmente caramujos e dente de elefante, para uma coleta, que, no dia seguinte, se transformará em uma vitrine científica para cada criança guardar de recordação. Para o biólogo Richard Persaud, que ministrou o curso, é importante que as pessoas conheçam esses seres vivos para que possam preservar todo o resto.
Hoje tem início o curso ‘Biologia de mamíferos marinhos’, e, até o dia 22, os inscritos poderão receber informações sobre a vida marinha, ecologia holística da Terra, biologia e evolução das aves marinhas, animais do Aquário de Santos.

Vovôs sabe-tudo, operadores de tráfego, técnicos de saúde e profissionais do Aquário e do Orquidário estão entre os 400 funcionários públicos municipais que integram a segunda turma do ProMundi (Programa Municipal de Idiomas), cujas aulas começam na segunda-feira (10), na  Umep Acácio de Paula Leite Sampaio (R. Sete de Setembro, 14, Vila Nova).
 
Promovido pela Prefeitura, o programa tem por objetivo qualificar profissionais para melhor orientar os turistas estrangeiros durante a Copa – na cidade, ficarão hospedadas as delegações de futebol do México e da Costa Rica, além de jornalistas de várias nacionalidades. Há turmas às segundas e quartas, e às terças e quintas, com aulas com 1h30 de duração entre as 8h30 e 16h15.

Quem gosta de orquídeas mas não sabe como cultivá-las não pode perder as três atividades que o Orquidário programou, a primeira já nesta sexta-feira (24), das 15h às 17h, a cargo de José Aldino da Silva, que possui mais de 23 anos de experiência cuidando das epífitas do parque.
 
Já no dia 31, das 10h às 12h, a orquidófila Noêmia dos Reis, que cultiva epífitas há mais de 34 anos, falará sobre ‘Noções básicas de cultivo de orquídeas’, durante feira a ser realizada no local.
 
Noêmia volta a abordar o tema no dia 7 de junho, das 15h às 17h, durante a Semana do Meio Ambiente. Para participar, é preciso inscrever-se pelo telefone 3225-1353 e doar uma lata de leite em pó para o Fundo Social de Solidariedade.

A importância de profissionalizar o turismo e de instituir selos de qualidade, além de outros mecanismos de aprimoramento dos serviços, foi a tônica do curso ‘As cidades estância e as oportunidades para o turismo’, realizado ontem (31) no Atlântico Hotel, que reuniu cerca de 50 profissionais das secretaria municipais de Turismo, Cultura, Esportes e Meio Ambiente, e de técnicos de nove cidades da região. Promovida pela Associação das Prefeituras das Cidades Estância do Estado de São Paulo (Aprecesp), a programação – já realizada em Itu e Atibaia - visa apresentar aos gestores públicos as oportunidades que a atividade turística organizada oferece aos municípios.

         A cargo de professores da USP, que atuam no Instituto de Academias Profissionalizantes (IAP), as quatro palestras realizaram durante o dia enfatizaram a importância da articulação com os mais diferentes agentes do setor, no sentido de fortalecer as políticas voltadas ao turismo. O IAP é o braço brasileiro da GT&TP,fundação americana de incentivo e profissionalização ao turismo de qualidade. Além de Santos, o curso contou com a presença de representantes de Bertioga, Guarujá, São Vicente, Praia Grande, Cananeia, Ilha Comprida, Itanhaém, Mongaguá e Peruíbe. O curso envolverá as 65 estâncias paulistas e as etapas finais serão realizadas este mês em Aparecida e Ilha Solteira.

 

        

O Monumento Nacional Ruínas Engenho São Jorge dos Erasmos, em parceria com prefeitura de Santos, vai promover a partir de domingo (3), o curso de observação de aves como prática conservacionista, com a ornitóloga Sandra Pivelli e o biólogo André Müller.  
 

Em quatro domingos, das 8h às 13h, as aulas vão abordar diversos temas, como a capacidade de voo das aves, onde encontrá-las, aves residentes e migratórias, nomes científicos e populares, conservação das aves, equipamentos necessários, entre outros assuntos.
 
Curso
A carga horária é de 30 horas, com aulas teóricas e práticas, incluindo observação de aves no próprio sítio arqueológico e no Jardim Botânico Chico Mendes, orla, Orquidário e Morro da Caneleira. O curso é gratuito, certificado pela Universidade de São Paulo (UPS) e as vagas são limitadas.
 
Inscrições devem ser feitas até esta quinta (31) pelo e-mail: resjesantos@gmail.com ou pelo telefone 3203-3901.
 
Serviço
Curso de Observação de Aves
O Monumento Nacional Ruínas Engenho São Jorge dos Erasmos (Rua Alan Ciber Pinto, 96 - Vila Sao Jorge)
Dias 3, 10 e 17 de abril e 1º de maio, das 8h às 13h.  
Inscrição: resjesantos@gmail.com ou 3203-3901

Multiplicar conhecimento para preservar e monitorar o meio ambiente. Com este objetivo, o Aquário foi palco, ontem (15), do último dia do curso ‘Brinquedos científicos feitos com sucata’ para professores de ciências do ensino médio e fundamental. Criatividade foi a palavra-chave para a construção de objetos úteis para o monitoramento do crescimento das plantas, desvio de luz e velocidade do vento. Para o responsável pelo encontro, o artista Ferruccio Marco Giorgini, os inscritos foram incentivados a recriar o que aprenderam para seus alunos, levando em conta sempre o foco da reciclagem. “Só em 2009,12,8 bilhões de latinhas foram recicladas no mundo. Mas este número ainda é muito pequeno”. Com níveis de dificuldade variados, para que jovens de todas as idades possam ser desafiados, a professora de ciências e biologia Érika Severino Julião, afirma que os estudantes mais novos poderão aprender a medir o crescimento das plantas com um boneco de meia-calça, recheado com serragem e alpiste, e, os mais avançados não terão problemas em desenvolver anemômetros com latas de alumínio para controlar a direção e velocidade dos ventos. A idéia do artista é que as escolas programem checagens semanais da ação dos ventos no local durante um ano, assim, pode-se montar um relatório anual daquela área. Os cursos de férias do Aquário encerram no dia 22 deste mês. Para mais informações, o número do Disk-Tour é 0800-173-887.

Aparelhos que controlam a velocidade e a direção do vento podem custar uma pequena fortuna, mas é possível construir um anemômetro utilizando apenas latinhas de alumínio. E, quem diria que, para conseguir  medir o crescimento das plantas, basta desenvolver um boneco de meia-calça recheado com serragem e alpiste? As manhãs dos dias 14 e 15 deste mês estarão cheias de idéias para a preservação da natureza sem gastar dinheiro algum, utilizando apenas técnica e muita criatividade. O endereço da diversão: Aquário de Santos. Mas é preciso se apressar, porque termina hoje (8) o prazo de inscrições para a oficina ‘Brinquedos científicos feitos com sucata’, voltada a adultos e professores de Ciências.
Nessa oficina, o artista plástico Ferruccio Marco Giorgini ensinará como monitorar o meio ambiente de modo simples e barato, transformando os interessados em multiplicadores de informações. Ele também está expondo seus trabalhos no parque, na mostra intitulada ‘América latinha’, que pode ser conferida até 1º de março. Ainda durante a oficina, a bióloga Maricene Santos dos Passos promoverá discussões para enfatizar a limitação e valorização de recursos naturais, por meio do reaproveitamento e reciclagem de materiais em defesa do ambiente e população carente. “Melhor que jogar fora é criar outras utilidades para um objeto”, frisou.
INSCRIÇÃO – Também hoje (8) serão encerradas as inscrições para os demais cursos a serem ministrados, este mês, no Aquário: Terapia Floral para animais, destinado a adultos; Biologia de Mamíferos Marinhos, para jovens a partir de 14 anos; Ecologia holística da Terra, para adultos; Aves marinhas – biologia e evolução, para jovens a partir de 14 anos; Aprendendo com a praia, para crianças de 9 a 12 anos, e Animais do Aquário de Santos, para o público de 7 a 9 anos. Dois outros cursos não têm mais vagas: Estudo das Conchas e Vida Marinha. Os interessados devem se apresentar no Aquiário, munidos do RG ou Certidão de Nascimento e doar uma lata de leite em pó, destinada ao Fundo Social de Solidariedade.

O  Engenho São Jorge dos Erasmos (Rua Alan Ciber Pinto, 96, Vila São Jorge) abriu o curso História de Santos nos Séculos XIX e XX a ser relizado nos dias 24 e 31 de outubro, e 7 de novembro, das 13h às 18h. A programação está a cargo dos professores Wilma Therezinha F. Andrade, Rodrigo Christofoletti e Gilvan Oliveira Leite.
 
O curso abordará como Santos se sobressaiu por ser considerada uma das cidades mais importantes do país devido a modernização do porto e a produção de café, além de ter sido palco de importantes movimentos políticos.
 
A palestra é gratuita e certificada pela Universidade de São Paulo (USP). As vagas são limitas com inscrições até o dia 15 de outubro, que devem ser feitas pelo telefone (13) 3203-3901.

Despertar a consciência ecológica das pessoas por meio da utilização dos materiais descartáveis. Essa é a proposta da exposição ‘Oficina da Alegria’, organizada pelo Grupo Doutores Patrulha da Alegria e que pode ser vista pelo público no Aquário de Santos até o próximo domingo (27).

Entre os objetos que constam da mostra destacam-se a poltrona feita de pneu e a estante confeccionada com caixote de feira, além de vários brinquedos e flores feitos de cabos de vassouras e garrafas pet. De acordo com a coordenadora do grupo, Simone Sebedelhe, a receptividade do público em relação ao trabalho feito tem sido bastante positiva: “Durante a Semana do Meio Ambiente, realizada no início do mês, participamos da Rua do Lazer, e foi bastante gratificante ver os pais brincando com os filhos, ajudando a passar a conscientização ecológica para as futuras gerações”, afirmou.

O Aquário fica na Praça Luiz La Scala, s/nº, na Ponta da Praia, e funciona de terça a sexta-feira das 9h às 18h, e aos sábados, domingos, feriados e pontos facultativos das 9h às 20h. O ingresso custa R$ 5,00, sendo gratuito para crianças até 12 anos e idosos acima de 60 anos. Estudantes pagam meia-entrada.

 

 

                      

 

 

 

 

Um grupo de 30 guardiões cidadãos recém-contratados participaram ontem (8) às 8h de um curso de introdução para o turismo em Santos, no Mercado Municipal. A iniciativa da Setur (Secretaria de Turismo) tem o objetivo de explicar a importância da categoria na recepção dos visitantes.

Para isso, a coordenadora da seção de formação técnica, Maria Leopoldina do Patrocínio explicou a importância dos equipamentos turísticos, o programa ‘Alegra Centro’ e como são produzidas as pesquisas de satisfação. “Muitos pontos turísticos despertaram o interesse dos jovens. Agora eles podem olhar a cidade e entender o que ela representa”.

É a segunda vez que os guardiões participam do curso. Em fevereiro deste ano, 31 receberam as informações para atuarem durante a temporada de verão.

Na próxima segunda (3) serão abertas as inscrições para quatro cursos do Pronatec Turismo, que serão ministrados no Senac. As 90 vagas de qualificação profissional são para atendente de lanchonete, salgadeiro, recepcionistas de eventos e recepcionistas de meios de hospedagem.
 

Os interessados deverão obrigatoriamente morar em Santos e terem no mínimo 18 anos. Para alguns cursos é solicitado o ensino fundamental e para outros, ensino médio. Os cursos são presenciais, com carga horária mínima de 160 horas, gratuitos e oferecem auxílio ao estudante de R$ 2 por hora/aula.
 

As inscrições terão duas etapas. A primeira na sede da Setur (Secretaria de Turismo), Largo Marquês de Monte Alegre, 1, das 9h às 13h e das 14h às 17h. Já a segunda fase será realizada no Senac (Avenida Conselheiro Nébias, 309), quando o candidato apresentará a documentação solicitada (veja o quadro) e carta de encaminhamento recebida na primeira etapa de inscrição.
 

O término das inscrições está previsto para o próximo dia 7, mas podem ser encerradas antes, caso todas as vagas sejam preeenchidas.

 

Documentos (original e cópia):

- RG

- CPF

- Comprovante de escolaridade

- Comprovante de residência

- Certidão de casamento (caso o RG não esteja com nome de casada)

- Cartão da Caixa Econômica Federal (é necessário ter conta no banco para o recebimento do auxílio)

- Carta de encaminhamento entregue na primeira fase de inscrição

A visita técnica realizada ontem (sexta, 28) por professores e pesquisadores da Universidade de São Paulo (USP) ao Museu Pelé, no Valongo, deu início a uma jogada que ajudará a desenvolver o segmento turístico de Santos. A instituição de ensino e a Prefeitura estão em tratativas para a oferta de um curso de especialização (pós graduação) em Gestão do Turismo nas dependências da atração, em prol da capacitação dos profissionais, equipamentos e serviços do setor.

“Um dos desafios da USP é a extensão, que é estender todo o acervo acadêmico, de pesquisa e consultoria para a comunidade”, destacou Mitsuru Higuchi Yanaze, professor doutor titular do Departamento de Publicidade, Relações Públicas e Turismo da Escola de Comunicação e Artes (ECA) da USP. “Visitamos o espaço do museu e sentimos que é totalmente adequado e muito bem equipado. Eles (alunos) teriam uma vivência prática, porque estamos numa área de expansão do Turismo, com a Estação (do Valongo) e o Museu do Café aqui próximo”.

De acordo com Yanaze, o curso englobará as áreas de Administração, Marketing e Comunicação, levando em conta os stakeholders (parceiros estratégicos) e trade turístico (conjunto de equipamentos) da Cidade. O trabalho de conclusão de curso (TCC) dos alunos será a elaboração de planos de ação para as atrações locais. A especialização terá carga horária de mais de 400 horas, com pelo menos 51% dos professores da própria USP, além de docentes convidados com notório saber. Os valores serão cerca de 40% abaixo do cobrado no mercado.

Inicialmente está estimada a abertura de 50 vagas a partir de março de 2018. “Mas, antes disso (em 2017), vamos sugerir algumas atividades que possam já preparando o contexto, como seminários, workshops e palestras”. A USP irá oferecer em São Paulo, a partir do próximo ano, pós graduação em Gestão e Negócios de Turismo. Com o curso no Museu Pelé, Santos será a primeira cidade fora da Capital a receber especialização da universidade nesta área.

 
“A partir desta aliança estratégica entre a USP e a Prefeitura, vamos entender as necessidades e carências locais, não só na gestão pública como também das organizações privadas, e desenhar a especialização que venha contemplar este conjunto de atores locais”, complementa o professor Benny Kramer Costa, também da ECA-USP.      

     
Capacitação
Segundo o chefe do Departamento de Equipamentos Turísticos e Revitalização de Santos, Adilson Durante Filho, a Administração Municipal vai pleitear à USP um número de bolsas de estudo para os servidores municipais e trabalhadores do segmento privado. “Esta qualificação é muito importante e será um divisor de águas no Turismo da Cidade”.

Já o gerente de Marketing do Museu Pelé, Alex Fernandes, destaca que a iniciativa transformará o equipamento num laboratório aos profissionais. “A parceria com a USP traz a parte científica na gestão do Turismo, que carece no Brasil de estudos avançados. Nossa pretensão é transformar este curso num modelo para todo o estado de São Paulo”.

Para quem pretende trabalhar durante as Olimpíadas 2016 com atividades relacionadas ao turismo internacional, ou até mesmo com relações portuárias, a ONG Educa Santos está oferecendo aulas gratuitas de inglês, espanhol e alemão. Os cursos serão desenvolvidos ao longo do ano em módulos trimestrais.
 
Os interessados devem pagar a taxa de matrícula, consultar a grade de aulas no site  www.educasantos.webs.com, e fazer a solicitação de vaga pelo e-mail educa.santos@hotmail.com. O prazo para as matrículas termina quinta-feira, 29, e as aulas estão previstas para começar dia 9 de fevereiro.

 Quem gosta de plantas, flores e ervas aromáticas, mas tem pouco espaço no apartamento, não pode perder mais uma edição do curso ‘Jardim em pet para o seu apartamento’, que o Orquidário promove sexta (10), das 15h às 17h. Há apenas 20 vagas e, a partir de hoje (08), os interessados podem se inscrever pelo telefone 3225-1353, das 9h às 11h e das 14h às 17h – a taxa de adesão é uma lata de leite em pó para o Fundo Social de Solidariedade.
 
A atividade está a cargo da bióloga Carolina Ramiro, da Seção de Educação Ambiental do parque, que aproveitará a oportunidade para esclarecer sobre a reciclagem de materiais e a necessidade de separação do lixo limpo. A criação das floreiras utilizará duas garrafas pet.
 

Começa hoje (16), às 18h, curso de fotografia que culminará com atividades práticas amanhã (17), a partir das 9h, tendo o parque como cenário. O programa, a cargo de José Alberto Sarquis e Berenice Kauffmann, tem apoio da 3ª Multimídia.

Os servidores municipais interessados em cursar inglês e espanhol à distância, visando atuar em eventos esportivos, como a Copa, têm até sexta (21) pela manhã para se inscrever no site do Programa Via Rápida (www.viarapidaemprego.sp.gov.br), da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação.
 
São 250 vagas e os cursos, com início este mês e duração total de 80 horas, terão dois módulos: básico (60h), para o aprendizado de frases curtas e simples relacionadas a temas cotidianos, e o específico (20h), focado na atividade profissional.
 
De acordo com a diretora da coordenadoria de ensino técnico, Dolores Maria dos Santos, o Programa Via Rápida Emprego  disponibilizará 80 mil vagas em todo o país. “O objetivo é qualificar agentes públicos, profissionais do comércio e de serviços para interagir com turistas estrangeiros nos mais diferentes eventos.”

Maiores de 18 anos, interessados nas áreas de organização de eventos e recepcionista em meios de hospedagem, podem efetuar, a partir de segunda (20), das 9h às 17h, a pré-matrícula na Secretaria de Turismo (Estação do Valongo, Largo Marquês de Monte Alegre, 01, Centro Histórico). É preciso apresentar original e cópia do RG, CPF e comprovante de residência em Santos.
 
De posse do pré-documento, o aluno deve se dirigir ao Senac (Av. Conselheiro Nébias, 309, Vila Mathias), responsável pelas aulas, para efetivar a matrícula. Há 30 vagas para cada curso – 10% para portadores de deficiência – e o prazo de adesão termina em 7 de junho.
 
Com aulas de 5 de agosto a 4 de outubro, das 8 às 12h, o curso para eventos exige ensino médio completo. Já para recepcionista, será aceito ensino médio incompleto – as atividades vão de 7 de outubro a 3 de dezembro, também pela manhã. Há bolsa-auxílio de R$ 2,00 hora/aula.
 
Santos é uma das quatro cidades da baixada beneficiadas pelo Pronatec-Copa, que integra a vertente Turismo do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego, do Ministério da Educação.

A Setur (Secretaria de Turismo) está treinando 40 pessoas para atuarem como auxiliar de recepção durante a Copa do Mundo. Nesta segunda-feira (2) foi iniciada a capacitação, que envolve aulas sobre normas de atendimento ao turista, história, geografia, cultura e curiosidades de Santos. Até amanhã (6), haverá também visitas técnicas a pontos turístico da cidade.
 

Os auxiliares de recepção vão atender os turistas em pontos estratégicos de Santos, como hotéis, centros comerciais, shoppings e na Arena Santos, onde será instalado o centro de mídia para imprensa nacional e internacional. Quatro auxiliares vão atuar de forma itinerante, utilizando patinetes motorizados cedidos pela Guarda Municipal.

Termina amanhã (16) o período de pré-matrícula para os cursos de garçom e camareira em meios de hospedagem a serem realizados pelo Pronatec-Copa (Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego), desenvolvido pelo Ministério da Educação visando o campeonato mundial de futebol, em 2014. O atendimento é feito na Setur (Secretaria de Turismo, Estação do Valongo, Largo Marquês de Monte Alegre, 1 - Centro Histórico) das 9h às 17h.
 
A Setur também está convocando os candidatos da lista de reserva dos interessados nas áreas de organização de eventos e recepcionista em meios de hospedagem, cujas pré-inscrições foram realizadas em março. Eles estão recebendo solicitação via correio, e-mail ou telefone. É que, em função do grande interesse, a secretaria conseguiu, junto ao governo federal, a abertura de mais uma classe para cada área.
 
Os candidatos, com ensino fundamental completo, devem apresentar original e cópia do RG, CPF, comprovante de escolaridade e de residência, e cartão da Caixa Econômica Federal para movimentação financeira (conta corrente, Conta Fácil ou poupança). No caso das mulheres em cujo RG não consta o nome de casada, é necessária, também, a certidão de casamento. De posse do documento de pré-matrícula, o interessado deve se dirigir ao Senac (Av. Conselheiro Nébias, 309 - Vila Mathias) para efetivar a adesão.
 
São 20 vagas para cada curso, com aulas na Unimes de 23 de setembro a 2 de dezembro, de segunda a sexta, das 14h às 18h. Os alunos receberão uma ajuda de custo de R$2 hora/aula, valor a ser depositado na Caixa Econômica Federal.

Fui e gostei
Veja a opinião de quem já visitou a cidade e aproveitou para valer!

01/01/2011 - Visitante
Centro Histórico
Orla

Maravilhoso. É uma riqueza histórica

24/11/2010 - Visitante
Orla da praia e jardins

O por do sol, na Ponta da Praia, é fantástico. Fazendo caminhada, batendo um papo...

09/03/2011 - Visitante
Orla da praia e jardins

Parabéns, sou santista de coração ,moro na cidade há 15 anos, adoro...

24/07/2011 - Visitante
Museu da Pesca

nasci em santos, vim para são paulo, mas aqui com mais de trinta anos ainda não me...