Notícias

11/ 11/ 2022

Festival comemora o Mês da Consciência negra com atrações culturais, economia criativa e passeios histórico

VEJA A PROGRAMAÇÃO COMPLETA

 

Atrações culturais, economia criativa, música e passeios repletos de história e literatura vão fazer com que santistas e turistas se integrem às celebrações do Mês da Consciência Negra, a partir do dia 18, no Centro Histórico de Santos.

O Festival Afro & Empreendedorismo vai começar com sessão solene na Câmara Municipal, a partir das 18h, com a entrega da Medalha Coração Nordestino e apresentação do grupo de forró Trio Serra Praiano.

A região do Valongo será o ponto central das festividades, a partir do dia 19. As atrações serão uma feira de economia criativa com artesanato e gastronomia afro (10h às 20h), estações com as cinco marcas da Rota da Cerveja Artesanal (Everbrew, Estiva, Santista, Jurássica e Filomena) e música com o DJ Marcelo Duarte das 11h às 15h.

A partir das 15h, o samba pede passagem e ninguém vai ficar parado com as apresentações de Criollage (15h), Eu, Tu e Elas (16h15), Mixtinho (17h15), Vida que Segue (18h) e Beto do Reco (19h).

CAMINHADA HISTÓRICA

Quem quiser aprender mais sobre os quilombos de Santos e construções da época da escravidão poderá participar de uma caminhada com a presença do historiador Odair José Pereira e um guia de turismo, das 9h às 11h30. A saída será realizada na frente da Santa Casa de Santos (Praça Coimbra) e o percurso passará pela Cadeia Velha, onde haverá uma intervenção artística com poemas de Castro Alves, Igreja do Rosário, Museu do Café, Casa da Frontaria Azulejada e término na Igreja do Valongo.

QUILOMBAGEM

A linha turística do bonde também marca presença no festival com a ‘Quilombagem com Café’. De hora em hora, das 12h30 às 16h30, os elétricos sairão da Estação do Valongo (Largo Marquês de Monte Alegre s/nº) com a presença de escritores que falarão de suas obras no percurso pelo Centro Histórico.

Participarão dos passeios Bartolomeu Pereira de Souza, autor do livro ‘Santos Cidade Libertária’, que falará sobre “escravidão” (12h30). Uilians Uilson Santos, de ‘Humaitá 933: Embaixada de Dois Mundos’, contará histórias do cotidiano do bairro Humaitá, na Área Continental de São Vicente (13h30). Já Denise Nascimento, que escreveu ‘Pretos em Contos Vol II’ (finalista do prêmio Jabuti 2022), abordará contos de literatura (14h30).

Autor de ‘Não Somos Bandidos – História da Escola de Samba X-9 (1944 – 1954)’, Odair José Pereira sobe no passeio das 15h30 para falar sobre sua obra. No último passeio, às 16h30, Mary Francisco do Careno, escritora de ‘Vale do Ribeira: A Voz e a Vez das Comunidades Negras’, comentará sobre a linguagem rural do Vale do Ribeira.

O ingresso do bonde custa R$ 7. Ao final de cada viagem, haverá degustação de café.

MUSEU PELÉ

No Museu Pelé (Largo Marquês de Monte Alegre s/nº), às 11h, a juíza Flávia Marciano Monteiro dará palestra sobre “cotas raciais no funcionalismo público”.

Às 15h, a atração será a apresentação de slam (versos relatando acontecimentos históricos) de estudantes da escola estadual Luiza Macuco.

Uma hora depois, o público poderá conferir um desfile de moda afro, da estilista Irene Brito.

IGREJAS

As homenagens continuam no dia 26 de novembro. Às 16h, com saída da Igreja do Rosário (Praça Rui Barbosa s/nº), haverá caminhada até a Alfândega para reverenciar os antepassados da comunidade negra local.  

Já às 16h, tem missa afro na Igreja Santo Antônio do Valongo (Largo Marquês de Monte Alegre, 13), com a presença da comunidade negra na cerimônia, para demonstrar o sincretismo religioso.

O evento é uma realização da Secretaria de Empreendedorismo, Economia Criativa e Turismo (Seectur), Secretaria Municipal da Mulher, da Cidadania e dos Direitos Humanos (Semulher), Coordenadoria de Promoção de Igualdade Racial e Étnica (Copire), Coletivo Afrotu e Instituto Luther King.

 

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO

 

DIA 18/11/2022

LOCAL: CÂMARA MUNICIPAL DE SANTOS – SALA ZENY GOULART

18h – Trio Serra Praiano

19h – Entrega Medalha Coração Nordestino

 

DIA 19/11/2022

LOCAL: VALONGO

10h às 20h – Feira de Artesanato e Gastronomia Afro

11h às 20h – Rota da Cerveja Artesanal

11h às 15h - DJ Marcelo Duarte

15h às 16h - Família Criollage

16h15 às 17h - Eu, Tu, e Elas

17h15 às 18h - Mixtinho

18h às 19h – Vida que Segue

19h às 20h – Beto do Reco

 

LOCAL: SANTA CASA DE SANTOS (ponto de encontro)

9h às 11h30 - Caminhada com historiador e guia de turismo. O ponto de encontro será na frente da Santa Casa de Santos. Depois, segue para a Casa de Câmara e Cadeia (Cadeia Velha), Igreja do Rosário, Museu do Café, Casa da Frontaria Azulejada e a chegada será na Igreja do Valongo

 

LOCAL: ESTAÇÃO DO VALONGO

11h30- Bonde Arte Urbana (passeio com artista Prëo sobre arte urbana no Centro)

Quilombagem com café - passeios no Bonde Café, com saídas a cada 1 hora e a presença de um escritor da quilombagem literária, para falar sobre sua obra durante o percurso. Ao final, uma degustação de café será oferecida pelos baristas do Museu do Café.

12h30 – Bartolomeu Pereira de Souza

Obra: Santos Cidade Libertária

Temática: escravidão

13h30 – Uilians Uilson Santos

Obra: Humaitá 933: Embaixada de Dois Mundos

Temática: Conta histórias do cotidiano do bairro Humaitá, que fica na área Continental e periférica de São Vicente

14h30 – Denise Nascimento

Obra: Pretos em Contos Vol II (finalista prêmio Jabuti 2022)

Tema: Contos de literatura

15h30 – Odair José Pereira

Obra: Não Somos Bandidos – História da Escola de Samba X-9 (1944 – 1954)

16h30 – Mary Francisca do Careno

Obra: Vale do Ribeira: A Voz e a Vez das Comunidades Negras

Temática: A Linguagem Rural do Vale do Ribeira

 

LOCAL: MUSEU PELÉ (FOYER E AUDITÓRIO)

11h - Palestra com a Juíza Flávia Marciano Monteiro: ‘Cotas raciais no funcionalismo público’

15h - Apresentação de slam escolar - Produção Preta

16h - Desfile de Moda Afro

 

DATA: 26/11/2022

LOCAL: IGREJA NOSSA SENHORA DO ROSÁRIO

16h – Caminhada réquiem para os antepassados

 

LOCAL: SANTUÁRIO SANTO ANTÔNIO DO VALONGO

18h – Missa Afro