Notícias

23/ 03/ 2020

Coronavírus: Santos tem novas medidas

Santos intensificou as medidas preventivas para evitar a progressão de casos de coronavírus.

O número de moradores de Santos internados em hospitais com sintomas do novo coronavírus (Covid-19) quadruplicou no período de uma semana, de acordo com as notificações dos serviços de saúde (públicos e particulares) para a Seção de Vigilância Epidemiológica (Seviep). 

No dia 19 de março, havia 11 pacientes internados; nesta sexta-feira (27), são 52 – aumento de 381%. No mesmo período, o número de casos suspeitos triplicou, passando de 101 para 293.

Também quadruplicou o número de casos confirmados da doença nos últimos dias. Em Santos, os três primeiros resultados positivos da doença em moradores da Cidade foram informados no dia 23 de março. Após cinco dias, nesta sexta (27), já são 14 casos confirmados (aumento de 366%) - há sete óbitos em investigação e nenhuma morte por coronavírus até esta sexta (27). 

O levantamento contabiliza casos após mudança nos critérios para a classificação de casos suspeitos. Com a comprovação da transmissão comunitária da doença no País, desde o início desta semana somente são coletadas amostras de suspeitas de Covid-19 entre pacientes internados ou profissionais de saúde. Anteriormente, pacientes com quadros leves (sintomas gripais, sem internação) também eram investigados. Agora, estes são definidos como casos de síndrome gripal e, até o momento, foram contabilizados 80 pacientes nesta situação.

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) orienta que pacientes com quadros leves não procurem as unidades e mantenham isolamento domiciliar. A indicação é procurar atendimento médico quando há febre persistente e alterações respiratórias como falta de ar.

VEJA AQUI AS MEDIDAS EM VIGOR EM SANTOS:

Sexta-feira (27), 18h36

O Conselho de Desenvolvimento da Baixada Santista (Condesb) encaminhará ofício ao Governo do Estado, a fim de que seja adotada, nas linhas de transporte intermunicipal, a mesma restrição implementada para as linhas municipais quanto ao número de passageiros por ônibus (limitado ao total de bancos). O órgão regional também requer que seja criada uma linha específica para o transporte de profissionais da saúde, segurança e assistência social. 

Santos já determinou à Viação Piracicabana, permissionária do serviço na Cidade, medidas para viabilizar o distanciamento entre os passageiros, a fim de que não haja aglomeração nos veículos. Em razão do reconhecimento do estado de calamidade pública na Cidade e à recomendação de trabalho sob regime home office, além do fechamento de escolas, o número de passageiros já reduziu significativamente nos coletivos municipais.

A média mensal, até o último dia 13, era de 130 mil passageiros/dia. Nesta semana, a média de embarques foi inferior a 30 mil. Os números mostram que não há dificuldade para implementar a medida no transporte municipal, uma vez que eles já circulam com redução de 77% de usuários. A CET Santos e a Viação Piracicabana informam que estão seguindo as recomendações do Ministério da Saúde e demais órgão competentes, ampliando a higienização nos ônibus entre as viagens, no Terminal Valongo. As medidas também são intensificadas em todas as áreas de contato dos motoristas (câmbio, volante, caixa de dinheiro). Além disso, eles recebem orientações diárias para que façam a higienização própria sempre que possível, durante a jornada.

Banheiros fechados na praia

Quinta-feira (26), 16h28

Com a  proibição de circulação na faixa de areia, em vigor desde o dia 20, a Secretaria de Serviços Públicos lacrou os banheiros localizados na orla de Santos. No total, foram fechados 16, masculinos e femininos, localizados nas estruturas dos quiosques e postos de salvamento.  A restrição envolve também a instalação de barracas, cadeiras e guarda-sol, além a circulação de ambulantes na praia.

Terça-feira (24), 14h39

A Prefeitura iniciou trabalhos de higienização no entorno de equipamentos de saúde, principais vias da Cidade e pontos de ônibus, como medida de prevenção à propagação do coronavírus. O serviço foi iniciado na noite de segunda (23) e, até o momento, já foi realizado em pontos de bairros como Campo Grande, Castelo, Jabaquara, Areia Branca, Macuco, Encruzilhada, entre outros. São 12 endereços percorridos dia e noite.

Realizado pela Terracom, sob supervisão da Secretaria de Serviços Públicos, o serviço segue três etapas de higienização.Na primeira, os profissionais - munidos de equipamentos de proteção individual - lavam as estruturas com água e quaternário de amônia (produto desinfetante), com hidrojato. Depois, aplicam detergente neutro. Por fim, retiram o produto, utilizando a mesma substância da primeira etapa. Os principais locais da Cidade foram mapeados para orientar a atuação das equipes. São profissionais já acostumados com os procedimentos, que já atuam na limpeza das vias após as feiras livres.

Abordagem nos acessos

Segunda-feira (23), 18h51

A operação de controle de acesso à entrada de Santos em três pontos da Zona Noroeste registra 244 abordagens a motoristas realizadas desde às 8h desta segunda-feira (23) pela Guarda Municipal e pela Companhia de Engenharia de Tráfego (CET). Vinte e um motoristas retornaram às cidades de origem. No domingo (22), foram abordados 700 motoristas, 42 dos quais retornara à Capital.

Reconhecimento de calamidade 

Segunda-feira (23), 18h45

A Prefeitura de Santos encaminhou, nesta segunda-feira (23), à Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp) ofício para reconhecimento do estado de calamidade pública na Cidade a fim de viabilizar novas medidas necessárias para o combate ao novo coronavírus.

Apoio empresarial

Segunda-feira (23), 18h35

Santos ganhará o apoio da Associação Comercial (ACS) na busca por alternativas no enfrentamento da pandemia do coronavírus. Por meio de frentes de trabalho criadas nas áreas de saúde, construção civil e social, foram definidas ações para ajudar a Cidade no abastecimento de máscaras e respiradores e facilitar a reforma de espaços que possam ser utilizados pela Prefeitura para assistência à população.

Atendimento prioritário

Segunda-feira (23), 18h31

Seguindo as recomendações do Governo do Estado para enfrentamento da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), a Secretaria Municipal de Saúde está suspendendo os atendimentos e procedimentos eletivos (agendados, não urgentes) na rede municipal a partir desta terça-feira (24) até 7 de abril. Todos os pacientes serão reinseridos na lista de espera e remarcados. Agora, será dada prioridade à triagem e aos atendimentos de pacientes com suspeita de Covid-19.